CartazesConceitualDesignFilmes

Reinterpretação de filmes da Disney em cartazes minimalistas

Rowan Stocks-Moore é um designer britânico apaixonado por capas de livros e filmes. Em um de seus projetos, ele recriou cartazes de dez filmes da Disney segundo a sua interpretação das histórias.

As imagens foram criadas de maneira conceitual, usando elementos que remetam e identifiquem a trama, ao invés de cenas do filme.

Os cartazes ganharam menos elementos e mais significado.

Eu gostei mais dos cartazes Alice no País das Maravilhas e Branca de Neve, e vocês?

matérias relacionadas

Filmes transformados em cartazes minimalistas
Cartazes minimalistas
Cartazes minimalistas de acontecimentos históricos

sobre o autor

isadora
perry clark
Redatora na Ana Couto Branding e Publicitária formada pela UFRJ, é interessada em tudo que envolva criatividade. Por isso, é uma fiel admiradora do Design, que adora ler e ama cinema. Sob uma perspectiva leiga mas exigente, pretende contribuir para a De2ign com tudo que encontrar de interessante, estranho ou divertido.

  • http://twitter.com/paiva79 André Paiva

    muito bom!



recomendamos

Gestão Estratégica do Design: Como um Ótimo Design Fará as Pessoas Amarem sua Empresa

208 páginas

Editora M. Books
Português

sites recentes

Volta Ferrorama
Promocional
Paul Frank
Promocional
Pilot Handwriting
Tipografia
 
 
 

debate atual

Criação vs Produtividade

matérias randômicas

Creative License #21 – Reciclagem
Decoração de porta que interage com o olho mágico
Um convite ao glamour
Dilus, um brinquedo para auxílio a crianças internadas
Adidas aZX

flickr

www.flickr.com/de2ign

arquivo

creative license

Tirinhas exclusivas de N.C. Winters, traduzidas para o português.
Creative License #66 – Despedida Final

enquete

  • Desculpe, não há nenhuma enquete ativa neste momento.

feedback

Você tem alguma idéia ou sugestão
para melhorar nosso site? Nós queremos ouvi-lo! Queremos que a De2ign seja, cada vez mais, do seu jeito e com a sua cara!

newsletter

Assine a newsletter e receba nossas matérias por e-mail. É mole ou quer mais?

twitter

Ó nós aqui no Twitter...